Existem inúmeras razões para você treinar seu operador de caixa. Uma delas é que esse profissional é responsável por finalizar a venda. Isso quer dizer que se tudo vai bem na hora de passar a compra, não haverá reclamações que são bem frequentes no varejo como longas filas, demora no atendimento, inclusive do caixa, preços não encontrados, entre outras queixas.

Ainda falando filas, você sabia que 56% das reclamações de clientes são referentes às filas nos checkouts? Corra desse problemão na sua loja. Isso gera insatisfação e prejuízo, já que o consumidor deixará a compra de lado. E tem mais: 28% das perdas são causadas por fraudes e furtos de clientes nos checkouts, e 12% das diferenças de estoques são causadas por falta de conhecimento e erros de registros dos operadores de caixa.

Leia também:

Atendimento preferencial: faça valer a lei na sua loja
Metas 2020: 10 promessas para o seu supermercado

Já que esse profissional faz toda a diferença nos resultados da sua loja, por que não capacitar o operador de caixa? Vamos então às dicas:

1) Atendimento

Nada de sorriso amarelo ao receber o cliente na hora de passar as compras. Inicie o atendimento com um bom dia, por exemplo, sempre olhando no olho. Saber ouvir, ser gentil, falar corretamente e ser ágil devem fazer parte da rotina de um operador de caixa, assim como responder aos questionamentos dos clientes. Um bom atendimento faz toda a diferença.

2) Uso dos equipamentos

Para executar o trabalho com exatidão, o operador de checkout deve conhecer os equipamentos que utilizará. Há várias opções no mercado de marca, modelo e especificações. É importante orientar o profissional sobre essa parte técnica, ensinando cada processo com o objetivo de tornar o atendimento cada vez mais rápido e eficiente.

Importante também fazer a limpeza e cuidar da conservação dos equipamentos. Uma esteira suja afasta clientes, pode apostar nisso.

3) Saúde do operador de caixa

A saúde de cada profissional é essencial para o andamento da loja. Como um operador de caixa trabalha por muito tempo na mesma posição, todo cuidado é pouco. Oriente-o a ajustar os equipamentos e ferramentas de modo que favoreça os movimentos e ações próprias da função. Apoio para os pés também são bem-vindos e no caso das balanças onde são pesadas frutas e verduras, por exemplo, o ideal é que ela fique na frente do operador de checkout para facilitar o registro da mercadoria e diminuir a necessidade da profissional em pegar peso que poderá levar a uma doença ocupacional, como a LER (Lesão por Esforço Repetitivo).

4) Valorização do operador de caixa

Que tal traçar metas individuais e coletivas do seu time e com isso reconhecê-los? Por que não valorizar os operadores que ofereceram o melhor atendimento para os consumidores? Eles se sentirão valorizados e ainda mais dispostos a desempenharem suas atividades. A dica aqui é que esse reconhecimento não fique apenas em m parabéns, um aperto de mão, ou uma foto no quadro de destaque do mês. Que tal oferecer alguma premiação?!

5) Conhecimento é tudo

A falta de conhecimento causa uma reação negativa nos clientes. É preciso ter autoconfiança, caso contrário esse profissional perderá oportunidades de prestar bons serviços e um atendimento de qualidade. Para isso, é importante manter-se sempre atualizado com os assuntos da loja.

É importante que o operador de caixa saiba sobre todos os setores da loja e indicá-los aos clientes. Também é preciso conhecer a lista de descontos, bem como as ofertas especiais que estão sendo divulgadas em jornais, rádio, televisão e outros meios de comunicação. Caso essas informações não estejam disponíveis num sistema informatizado, deve-se ter em mãos listas e relatórios atualizados.

O Operador de Checkout deve conhecer a cultura organizacional do supermercado onde trabalha, seus valores, visões, costumes, crenças, práticas comerciais e formas de interação com a comunidade e clientela. Isso fará a diferença no atendimento a clientes em situações atípicas e não-comuns.

6) Atitudes para fechar o atendimento

Sabe o famoso volte sempre? Cabe em qualquer situação e nesse caso é a maneira que o operador de caixa tem para finalizar o atendimento. Pode perguntar também se ele precisa de algo mais e se tem alguma sugestão para melhorar o supermercado. Por fim agradeça e deseje que ele tenha um bom dia (tarde ou noite). Será sempre um prazer recebê-lo novamente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here